Início   >  Antioxidantes  >  Vasos sanguíneos rejuvenescidos 20...
04-09-2019

Vasos sanguíneos rejuvenescidos 20 anos com este antioxidante que tem como alvo as mitocôndrias

co-enzyme Q10 Um estudo publicado no Hypertension, o jornal da American Heart Association, traz novas provas da eficácia deste complemento alimentar para diminuir o risco de doenças cardiovasculares. O estudo reabilita também os antioxidantes tomados por via oral; postos em dúvida nos últimos anos, os investigadores mostram até que ponto eles podem ser benéficos para a saúde, “desde que sejam bem direcionados”, especificam.

Este suplemento é a coenzima Q10. Trata-se de um antioxidante potente que desempenha um papel crucial na produção da energia celular, que serve para alimentar inúmeros fenómenos fisiológicos. Sem esta energia não poderíamos respirar nem caminhar. A produção situa-se ao nível de pequenas “fábricas” que designamos “mitocôndrias” e que derivam de bactérias muito antigas. Tem lugar em praticamente todas as células do corpo, mas a sua intensidade difere em função das regiões; órgãos como os rins, o fígado e sobretudo o coração, muito “gulosos” de energia, contêm inúmeras mitocôndrias e constituem por isso locais de elevada produção. Encontramos aí, forçosamente, muita coenzima Q10, pois ela é indispensável à ativação da produção, mas também porque está encarregada de minimizar a fuga dos radicais livres. Trata-se de elementos oxidantes que podem tornar-se muito perigosos se saírem da mitocôndria e chegarem a outros elementos celulares ou extracelulares ou mesmo se chegarem até ao ADN mitocondrial.


Estas duas propriedades indispensáveis explicam por que razão o organismo prefere sintetizar a coenzima Q10 propriamente dita do que ter de contar com aportes alimentares exógenos. Tal dependência seria muito mais arriscada para a integridade das células, em particular as que albergam uma atividade excessiva, como é o caso das células do coração. Na realidade, devemos este “bom senso” à seleção natural, mas esta não esperava certamente que o ser humano aumentasse todos os limites da esperança de vida tão rapidamente. O intervalo de tempo, extremamente baixo à escala da vida, não lhe permitiu conceber seres humanos suficientemente preparados para envelhecer até aos 90 anos.

A partir dos 30 anos de idade, o organismo começa mostrar sinais de fadiga. A produção de coenzima Q10 começa a diminuir lentamente, depois cada vez mais rápido, até atingir um patamar bastante baixo aos 80 anos de idade (1), sobretudo ao nível do tecido muscular. Privadas de mais de metade da quantidade ideal de coenzima Q10, as pessoas desta idade têm, por conseguinte, falta de energia (o que explica, por exemplo, porque têm muitas vezes frio apesar de a temperatura ser perfeitamente aceitável) e são facilmente atacadas pelos radicais livres em fuga. Esta situação crítica expõe inúmeros órgãos às doenças ligadas ao envelhecimento, como os problemas cardiovasculares…

Mas então, porque não tomar suplementos de coenzima Q10 para compensar as perdas de produção ligadas ao envelhecimento?

Foi esta ideia que os investigadores da Universidade do Colorado Boulder Research quiseram testar clinicamente em homens com idades compreendidas entre os 60 e os 79 anos. Durante 6 semanas, metade dos sujeitos foram convidados a tomar um suplemento de coenzima Q10, ao passo que os restantes tomaram um placebo. No final da experiência, os investigadores inverteram os dois grupos para comparar melhor os efeitos da coenzima Q10 com os obtidos com o placebo. Os resultados foram incríveis: quando tomavam coenzima Q10, os homens registaram um aumento de 42% da dilatação das suas artérias, o que corresponde a um rejuvenescimento de “15 a 20 anos”. Esta melhoria foi associada pelos investigadores a uma redução de 13% do risco de doenças cardiovasculares. Estes puderam igualmente aferir que o aumento da dilatação estava, pelo menos parcialmente, ligado a uma redução do stress oxidativo.

Trata-se do primeiro ensaio clínico que valida a eficácia de um antioxidante especificamente direcionado para as mitocôndrias sobre as funções vasculares humanas” regozijou-se Rossman, o principal autor do estudo. Com efeito, as tomas regulares de vitamina C ou de vitamina E, que são outros antioxidantes reputados, não evidenciou efeitos tão espetaculares nos vasos sanguíneos como os obtidos com a coenzima Q10. O que valida o postulado segundo o qual os antioxidantes não têm todos o mesmo alvo… Por outro lado, os mesmos autores haviam mostrado um pouco antes que um outro composto conseguia inverter o envelhecimento dos vasos sanguíneos: o ribosídeo de nicotinamida.

Como tomar suplemento de coenzima Q10?

A coenzima Q10 continua a ser considerada como um complemento alimentar e não como um medicamento pois trata-se de uma molécula natural que não pode ser objeto de uma patente farmacêutica. É considerada como sendo uma molécula perfeitamente segura, mesmo a muito longo prazo (2), em virtude da sua presença natural no organismo. Toma-se de preferência às refeições, pois é mais bem absorvida na presença de gorduras, ou optando por acondicionamentos ricos em lípidos (Coenzyme Q10 30 mg).


O estudo principal do artigo:

Matthew J. Rossman, Jessica R. Santos-Parker, Chelsea A.C. Steward, Nina Z. Bispham, Lauren M. Cuevas, Hannah L. Rosenberg, Kayla A. Woodward, Michel Chonchol, Rachel A. Gioscia-Ryan, Michael P. Murphy, Douglas R. Seals. Chronic Supplementation With a Mitochondrial Antioxidant (MitoQ) Improves Vascular Function in Healthy Older Adults. Hypertension, 2018; HYPERTENSIONAHA.117.10787 DOI: 10.1161/HYPERTENSIONAHA.117.10787


Referências

1. Kalen A, Appelkvist EL, Dallner G. Age-related changes in the lipid compositions of rat and human tissues. Lipids. 1989;24(7):579–84. Epub 1989/07/01
2. Hidaka T, Fujii K, et al. Biofactors. Safety assessment of coenzyme Q10 (CoQ10). 2008;32(1-4):199-208. Review.
Encomendar o nutriente evocado neste artigo
Coenzyme Q10 30 mg

Em base lipídica: biodisponibilidade triplicada !

www.supersmart.com
Descubra também
07-06-2016
Este nutriente rejuvenesce a pele e as...
Imagine um alimento natural que impede que a pele enrugue, se distenda e envelheça, tanto no rosto (pálpebras, faces, lábios) como nas coxas ou sob...
Saber mais
22-05-2017
Uma associação eficaz contra o colesterol "mau"
cholesterol - Aloe Vera - ProbiotiquesUma equipa de investigação indiana acaba...
Saber mais
16-05-2017
Nutrientes benéficos contra a hipertensão arterial
Por ocasião do Dia Mundial contra a hipertensão, convém lembrar a importância da prevenção e do diagnóstico deste problema cardiovascular. Caracterizada por uma tensão anormalmente...
Saber mais
Siga-nos
Seleccione o idioma à sua escolha
ptfrendeesitnl

Gratuito

Obrigado pela sua visita; antes de partir

INSCREVA-SE NO
Club SuperSmart
E beneficie
de vantagens exclusivas:
  • Gratuito: a publicação científica semanal "Nutranews"
  • Promoções exclusivas para membros do clube
> Continuar