Início   >  Antioxidantes  >  Preparar a pele para...
19-06-2012

Preparar a pele para o sol e activar o bronzeado com substâncias naturais

A chegada dos primeiros raios de sol pode revelar-se um verdadeiro suplício para quem sofre de lucites estivais benignas, que ficam vermelhas com as primeiras exposições solares ou sofrem de irritações e comichões após algumas horas de exposição ao sol. Existem, contudo, soluções naturais para melhorar a tolerância ao sol das pessoas sensíveis ao sol e optimizar a qualidade do bronzeado nas que o suportam bem.

Com exposições solares mais ou menos intensas, e sem protecção, os raios ultravioletas são extremamente nocivos para as células profundas da epiderme, pois causam lesões por vezes irreversíveis ao nível dos tecidos de apoio, que vão desde os efeitos puramente estéticos como a formação de rugas no rosto, pescoço e peito até aos “malefícios para a saúde” com o aparecimento de melanomas. A alimentação e a toma de suplementos nutricionais desempenham papéis cruciais na protecção da epiderme e a toma de certas substâncias naturais – antes, durante e após a exposição solar – permite preparar a pele, confere-lhe uma protecção global contra determinados efeitos dos raios solares, optimizar o bronzeado e prolongá-lo, mesmo depois das férias.

A classe de antioxidantes na qual é necessário apostar é a dos carotenóides – que reforçam a pigmentação da pele, melhoram significativamente a tolerância ao sol e conferem protecção aos vários tecidos que estão em contacto directo com a luz (pele, olhos). Estes carotenóides têm igualmente a propriedade de estimular a produção de melanina – o pigmento que dá aquela bonita cor à pele bronzeada – e, por outro lado, combatem a acção imunosupressora dos raios ultravioletas. Vários estudos demonstram que o consumo diário de diversos carotenóides melhora significativamente a fotoprotecção e a tolerância ao sol:

- O betacaroteno, o mais mediatizado, é o segundo caroteno mais presente na alimentação. Precursor da vitamina A, é tradicionalmente reconhecido pelas suas virtudes protectoras das células epiteliais e pela sua eficácia em bronzear progressivamente a pele.

- O licopeno é o carotenóide mais abundante na pele. Segundo vários estudos, a sua toma atenua de forma notável o aparecimento do eritema solar nas pessoas com sensibilidade ao sol e permite reduzir a intensidade dos golpes de sol e dos danos celulares mais profundos para quase metade.

- A luteína e a zeaxantina são dois carotenóides muitas vezes associados em alimentos e também no organismo dado que estão principalmente presentes na mácula – uma região central da retina que filtra a luz azul. Actuam em sinergia com os carotenóides indicados anteriormente para proteger a pele dos efeitos dos raios ultravioletas e são também antioxidantes específicos da visão – que protegem o olho do stress oxidativo.

- A astaxantina é sintetizada naturalmente pela alga Haematococcus pluvialis, consumida pelos camarões e salmões e que lhes confere a sua cor característica. Trata-se de um potente antioxidante específico da visão e da pele, ambos sujeitos aos raios UV do sol. Ao nível do olho, aumenta o fluxo sanguíneo na retina e tem poderosas propriedades antioxidantes, protegendo os tecidos do cristalino contra os efeitos nefastos dos radicais livres.

Além de consumirem alimentos muito ricos em carotenóides como frutos e legumes de cor vermelha-alaranjada e legumes verdes escuro, as pessoas com pele naturalmente clara, mas não só, devem imperativamente consumir diariamente suplementos nutricionais solares, recomendados pela maioria dos dermatologistas, para:
    - Preservar os efeitos benéficos do sol e reduzir os "golpes de sol",
    - Combater os danos provocados pelos raios UV nas células da pele e dos olhos,
    - Limitar as lucites estivais,
    - Evitar a pele seca, as rugas e as manchas deselegantes – sinónimo de envelhecimento
    - e, por último, poder "queimar" ao sol limitando ao máximo os seus malefícios.
Como os carotenóides actuam em sinergia, é preferível utilizar "fórmulas integradas" e dado que são mais bem assimilados com um pouco de matéria gorda, é preferível consumi-los a meio do dia ou à noite com óleos que forneçam ácidos gordos específicos, para limitar a desidratação cutânea.

A par dos carotenóides, conhecidos e reconhecidos, existe um tipo de feto das regiões tropicais e sub-tropicais da América que se enquadra perfeitamente neste grupo de substâncias que aliviam e protegem a pele: o Polypodium leucotomos. Este extracto botânico foi objecto de vários estudos que evidenciaram os seus múltiplos efeitos protectores, tanto a nível celular como sistémico, contra a incidência dos raios UV do sol. A sua toma, quinze dias antes das primeiras exposições solares e depois durante todo o período de exposição ao sol, revela-se um meio eficaz e seguro para reduzir de forma significativa os eritemas, as erupções cutâneas e as urticárias, bem como limitar os danos induzidos pelos raios UV no ADN que – a longo prazo – constituem um factor de risco de cancro cutâneo.
Encomendar os nutrientes evocados neste artigo
Carottol

Complexo de carotenóides naturais de largo espectro

www.supersmart.com
Lyc-O-Mato® 15 mg

Acondicionamento potente e económico para este nutriente indispensável

www.supersmart.com
Lutein 20 mg

A forma mais potente e mais purificada do importante nutriente luteína

www.supersmart.com
Astaxanthin 4 mg

Potente carotenóide antioxidante com inúmeros benefícios específicos

www.supersmart.com
Polypodium leucotomos Extract 500 mg

Tradicionalmente utilizado no tratamento de psoríase e do vitiligo.

www.supersmart.com
Descubra também
16-11-2016
A astaxantina – um antioxidante particularmente potente
A astaxantina pertence à grande família dos carotenóides, dos quais possui as potentes propriedades antioxidantes. A astaxantina é fabricada por vários tipos de algas e...
Saber mais
04-07-2016
Astaxantina: o antioxidante do Verão
Um grupo de investigadores trabalha há vários anos numa molécula produzida por micro algas a que chamamos astaxantina. Esta molécula é considerada por muitos como...
Saber mais
31-10-2018
Alho negro: um concentrado de vantagens para...
Se já conhece as virtudes do alho branco comum , vai ficar surpreendido pelos benefícios do alho negro. Também conhecido pelo nome de “alho maturado”,...
Saber mais

Gratuito

Obrigado pela sua visita; antes de partir

INSCREVA-SE NO
Club SuperSmart
E beneficie
de vantagens exclusivas:
  • Gratuito: a publicação científica semanal "Nutranews"
  • Promoções exclusivas para membros do clube
> Continuar