Início   >  Plantas medicinais  >  Ashwagandha – uma planta...
22-07-2018

Ashwagandha – uma planta bem conhecida da medicina ayurvédica que melhora a memória

Ashwagandha Tem dificuldade em lembrar-se das datas dos seus compromissos? Tem a impressão de já não ser tão perspicaz como antes? De passar horas à procura de nomes ou de palavras de que não se lembra?

Se respondeu “sim” a uma destas três perguntas, vai sem dúvida ter interesse em ler as conclusões deste novo estudo; a toma de um suplemento de ginseng indiano, uma planta tradicional integrada há mais de 3000 anos na medicina ayurvédica, melhora as funções cognitivas e reforça a memória.

Em que é que consiste o estudo que evidenciou os benefícios do ashwagandha?

50 pessoas com mais de 35 anos participaram num ensaio clínico durante 8 semanas. Metade dos participantes tomou um extracto de ashwaganda na forma de cápsula duas vezes por dia com um pouco de água, ao passo que a outra metade tomava, à noite, um extracto que não continha qualquer princípio activo.

Antes do início do programa, os investigadores submeteram os participantes a uma bateria de testes cognitivos e repetiram esta operação 8 semanas após a toma do suplemento.

Desta forma puderam comparar os desempenhos dos dois grupos antes e após a experiência. Constataram o seguinte: as pessoas que tomaram suplementos de ashwaganda melhoraram significativamente ao nível da memória, da lógica, da atenção, da função executiva e da velocidade de tratamento da informação. De salientar que os autores do estudo não declaram qualquer conflito de interesses.

Não é o primeiro ensaio clínico a mostrar tais resultados; vários outros estudos evidenciaram já o potencial do ashwaganda para potenciar os desempenhos cognitivos e melhorar a disfunção cognitiva (1) (2), em particular na sequência de perturbações neurológicas como ferimentos cerebrais, traumatismos ou patologias neurodegenerativas (3) (4).

Como explicar os benefícios do ashwaganda no plano cognitivo?

Vários estudos mostraram no passado que a raiz de ashwaganda apresentava actividades antioxidantes, neuroprotectoras, anti-inflamatórias, antidepressivas e ansiolíticas (5).

Mas os seus efeitos na memória seriam explicados pela capacidade que alguns dos seus constituintes têm de inibir a acetilcolinesterase (6). Trata-se de uma enzima muito particular cujo papel consiste em desactivar mensageiros excitadores, para permitir que determinados neurónios voltem ao estado de repouso. Ao impedir esta desactivação, o ashwaganda autoriza portanto os neurónios em questão a manterem-se activos mais tempo (7), o que poderia servir para tratar determinadas patologias em que a duração de vida dos neurónios é encurtada, como é o caso na doença de Alzheimer. Especialmente porque os neurónios que são afectados pela acetilcolinesterase são os que estão estreitamente ligados à memória…

Outros estudos mostraram que o Ashwagandha induzia efeitos anti stress. Estes efeitos poderiam estar envolvidos indirectamente na melhoria dos mecanismos cognitivos, pois ficou demonstrado que o stress afectava negativamente as funções cognitivas (7-8), em particular os domínios da atenção.

Uma vez mais, a medicina convencional confirma o valor dos saberes tradicionais: o ginseng indiano é uma planta utilizada há mais de 3000 anos na medicina ayurvédica para devolver força e vivacidade de espírito.

Segue o caminho dos extractos de Bacopa monnieri, de Gingko biloba e de Panax ginseng, que se revelaram eficazes em ensaios clínicos para melhorar a cognição e os sintomas das doenças neurodegenerativas (9-12). Como fazia prever as informações fornecidas pela medicina ayurvédica.

Não há nada de surpreendente nisto dado que estes saberes ancestrais não nascem do nada; derivam de uma extremamente longa experiência colectiva, transmitida de geração em geração e a que chamamos a medicina empírica.

Diz-se que o Ashwagandha é uma planta adaptogénica, dado que potencia significativamente a resistência a factores de stress e induz um efeito estimulante no plano cognitivo (13). Este efeito não tem nada que ver com o dos estimulantes do sistema nervoso central como a cafeína, a cocaína ou a nicotina, que provocam uma dependência psicológica (e por vezes também física) mais ou menos intensa.

memoire

Se deseja testar este suplemento natural, saiba que – no estudo mencionado – os progressos foram medidos após 8 semanas de toma do suplemento.

E se desejar medir você mesmo a eficácia do ashwaganda, saiba que isso é possível; basta-lhe realizar exercícios cognitivos antes de começar a tomar o seu suplemento e voltar a fazer esses exercícios após 8 semanas a tomar diariamente o suplemento (600 mg por dia, ou seja o equivalente a 2 caixas de Super Ashwagandha) e depois comparar objectivamente os seus resultados.

Pode realizar exercícios trabalhando os diferentes aspectos da memória a partir de sites da internet como Happyneuron.fr ou de livros especializados, tendo o cuidado de se cronometrar e anotar os seus resultados.

Eis 2 exemplos de exercícios a realizar para avaliar a sua memória:

1) Desenhe numa folha de papel a planta da sua sala de jantar colocando todos os elementos que aí se encontram de forma permanente (janela, portas, móveis, objectos). Não observe a sala antes de fazer o exercício e não faça o exercício nessa divisão da casa.

2) Durante um minuto, observe atentamente esta sequência de números e tente memorizá-los. Depois, desvie o olhar do ecrã e responda às perguntas seguintes.

memoire

a) Indique os números por ordem crescente
b) Indique os números por ordem decrescente
c) Indique os números pela ordem na qual foram dados.

O estudo do artigo:

Dnyanraj Choudhary, Sauvik Bhattacharyya & Sekhar Bose (2017) Efficacy and Safety of Ashwagandha (Withania somnifera (L.) Dunal) Root Extract in Improving Memory and Cognitive Functions, Journal of Dietary Supplements, 14:6, 599-612, DOI: 10.1080/19390211.2017.1284970

Encomendar o nutriente evocado neste artigo
Super Ashwagandha

Novo extracto, 2,5 vezes mais concentrado em princípio activo

www.supersmart.com
Siga-nos
Seleccione o idioma à sua escolha
ptfrendeesitnl

Gratuito

Obrigado pela sua visita; antes de partir

INSCREVA-SE NO
Club SuperSmart
E beneficie
de vantagens exclusivas:
  • Gratuito: a publicação científica semanal "Nutranews"
  • Promoções exclusivas para membros do clube
> Continuar